Pular para o conteúdo

COMO DEVO ME PREPARA PARA UMA CIRURGIA DE GRANDE PORTE?

Por: Dr. Leonardo Maciel em 03/10/2020

Como devo me preparar para uma cirurgia de grande porte?

Estima-se que mais de 230 milhões de cirurgias de grande porte sejam realizadas anualmente em todo o mundo. Apesar do emprego técnicas modernas visando diminuir o trauma operatório, ainda o organismo é altamente exigido para recuperar-se , e concluir o processo de cura.
É preciso entender que a cirurgia não deixa de ser um trauma, e sua recuperação vai necessitar de cicatrização adequada, sistema imunológico eficiente para combater infecção, além de coagulação sanguínea e sistema cardiovascular e respiratório efetivo para manter as funções vitais.
Felizmente a ciência evoluiu muito nos últimos anos, e hoje a maioria das cirurgias é realizada de forma segura e com baixas taxas de complicações.
E atualmente, está valorizado o conceito de pré-habilitação cirúrgica, ou seja, uma série de medidas que poderá melhorar a performance física do paciente antes da cirurgia. O seu cirurgião poderá orientar medidas visando que as complicações sejam reduzidas ao máximo e que, quando ocorram, sejam de fácil manejo.
No texto abaixo seguem alguns pontos importantes em relação ao conceito de pré-habilitação cirúrgica.

Preparo para cirurgia de grande porte

Muitas das possíveis complicações após cirurgias de grande porte estão ligadas a fatores próprios dos pacientes. Infelizmente, alguns desses fatores não são modificáveis: idade avançada, diagnóstico (p. ex. câncer), órgão a ser operado (p. ex. pâncreas), presença de doenças associadas, como doenças renais, hepáticas, diabetes e hipertensão arterial, antecedentes cardiovasculares (revascularização do miocárdio ou colocação de stents, arritmias, uso de marca-passo), uso crônico de medicamentos (corticosteroides, imunossupressores, anticoagulantes), dentre outros.
Entretanto, vários fatores de risco cirúrgico são modificáveis, ou seja, a orientação adequada do cirurgião e a colaboração do paciente permitirá reduzir substancialmente os riscos de uma cirurgia de grande porte.
O preparo pré-operatório consiste em treinamento com exercícios para melhorar o condicionamento físico, além de suporte nutricional e psicológico, com o objetivo de melhorar a reserva fisiológica e reduzir o estresse antes da cirurgia. Essas intervenções melhoram a capacidade do paciente em suportar o trauma cirúrgico e acelera a sua recuperação.

A associação de exercícios físicos, nutrição adequada e suporte psicológico, além de ajuste de doses de medicamentos em uso e do controle de comorbidades existentes, contribui de forma significativa para a recuperação pós-operatória.

Dr. Leonardo Maciel

Postado por: Dr. Leonardo Maciel, publicado em: 03/10/2020

Médico com residência médica em Cirurgia Geral, Coloproctologia e Endoscopia Digestiva. Mestre e Doutor em Cirurgia. Membro Titular da Sociedade Brasileira de Coloproctologia e do Colégio Brasileiro de Cirurgiões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *